20180130 103903 1 Como Importar Polipropileno?

Como importar Polipropileno, Polietileno, ABS, Policarbonato e outros plásticos.

Importar resinas termoplásticas (polipropileno, polietileno, policarbonato, resina ABS e Nylon6) é de fundamental importância para o Brasil, nossa empresa já opera nesse segmento há muitos anos.

Nosso país não é auto-suficientes na maioria dos plásticos que consumimos, dai a necessidade de importar.

Geralmente os termoplásticos são importados por tradings sediadas em Santa Catarina, pois as mesmas se beneficiam de incentivos fiscais.

Isso torna o preço final dos termoplásticos mais atraente, entretanto nada impede de uma indústria em São Paulo importar.

A questão do benefício fiscal é muito relativa, pois uma indústria pode sim importar diretamente a custo mais baixo, porém no ato da nacionalização recolherá o ICMS cheio, que futuramente se creditará.

Que fique claro o seguinte, para indústrias que consomem grandes volumes há a viabilidade para importar diretamente, sem terceiros.

O padrão para um container de polietileno, polipropileno ou poliamida 6 é de 25 toneladas, já o ABS e policarbonato o normal são 16 toneladas.

É interessante conhecer um pouco mais sobre as resinas termoplásticas antes de pensar em importar.

Se não soubermos como são produzidas não saberemos onde procurar um fornecedor.

As matérias-primas para a produção das resinas não são presentes em todas as regiões, inclusive na China.

A China quase não exporta termoplásticos devido ao custo, mas pode se conseguir polipropileno Sinopec, o único com qualidade.

Fornecedor para importar Polipropileno, Polietileno, ABS e Policarbonato

Muito cuidado ao procurar um fornecedor, evite comprar de atravessadores pois assim minimiza o risco de adquirir um material de baixa qualidade.

Compre sempre direto da petroquímica ou de um agente autorizado.

Não existem muitos produtores de cada resina no mundo, então evite comprar de empresas desconhecidas, procure sempre por algum produto conhecido.

Se te oferecerem um grade que ninguém conhece fuja, pois pode ser varredura ou algo assim.

Nossa empresa já ultrapassou as 1.000 toneladas mensais de importação de termoplásticos, dividido entre todos nossos clientes e tipos de plásticos.

Nós atendemos desde o cliente de 16 toneladas à aquele de 200 toneladas, então nos procure e assessoraremos suas importações.

Não importa em que cidade ou Estado você está, podemos lhe atender.

Como funciona o pagamento para plásticos?

A maioria das petroquímicas exige pagamento 100% adiantado, ou seja, após receberem o valor total providenciam o embarque do material.

Esse trâmite pode levar até duas semanas em alguns casos.

Em certas petroquímicas há a opção de pagamento via Carta de Crédito, nas modalidades à vista ou 30 dias do embarque.

Quando se compra através de um representante é possível pleitear até 90 dias de prazo após o embarque, isso sujeito a prévia análise de crédito.

Essa modalidade é bem difundida entre os importadores.

Restrições

Produtos como o Polipropileno tem medidas restritivas, o Antidumping, que já falamos aqui.

Antes de importar é fundamental se atentar a esse detalhe, caso contrário o material custará mais do que você imagina pagar.

Em alguns casos o Antidumping chega a USD109.00 por tonelada, como é o caso do material indiano.

Estados Unidos, Índia, África do Sul e Coréia do Sul estão na lista de países cujo Polipropileno tem o Antidumping.

Quais os tipos de resinas mais importadas?

Polipropileno e Polietileno são as resinas mais importadas, geralmente vem de regiões como Estados Unidos, Coréia do Sul, Índia, Arábia Saudita, Omã e Taiwan.

Polietileno e Polipropileno são abundantes no Brasil, porém muitas indústrias preferem comprar parte nacional e parte importada.

A compra dividida é importante pois em caso de falta de material no Brasil você já terá outro canal à mão.

A resina ABS vem geralmente da Coréia do Sul e Malásia.

Estamos nesse segmento há muitos anos, conhecemos petroquímicas em vários países, com as quais mantemos bom relacionamento.

Se sua empresa tem interesse em importar polipropileno, importar polietileno, importar policarbonato, importar ABS ou importar poliamida 6 (Nylon) basta falar conosco.

Indicaremos a melhor alternativa, bem como faremos toda a assessoria em comércio exterior para a comodidade da sua empresa.

Pleiteamos linhas de crédito para pagar o fornecedor.

Buscando como importar polipropileno com qualidade e sem dor de cabeça?

Venha conhecer a Máxxima Assessoria em Comércio Exterior, você vai se surpreender com nossos serviços.

Possuímos uma equipe altamente capacitada e habilitada para atendê-lo, venha conferir!

Estamos esperando seu contato.

Para saber mais sobre Como Importar plásticos  fale conosco.

Caso sua empresa procura por quantidade insuficiente para importar entre em contato com um distribuidor confiável, nós indicamos o Grupo Nova Trigo

Posts Relacionados